Melhore o planejamento de sua empresa com Análise SWOT

O planejamento estratégico tornou-se fundamental para o sucesso de uma companhia. Nesse contexto, a Análise SWOT surge para ajudar a identificar qualidades e defeitos dentro de uma organização. Abreviatura das palavras strengths, weaknesses, opportunities e threats (em tradução livre: significa forças, fraquezas, oportunidades e ameaças), em português é conhecida por alguns gestores como FOFA.
­

­
Saiba Mais:

::: Um bom plano de vendas pode ajudar sua empresa em tempos de crise
::: Parcerias tendem a aumentar a visibilidade de seu produto
::: Erro grave: não mensurar corretamente os indicadores da sua empresa

 

Na prática, a Análise SWOT é uma ferramenta estrutural de administração que ajuda a avaliar ambientes internos e externos de uma organização. O método criado por Kenneth Andrews e Roland Chistensen objetiva aprimorar o planejamento estratégico empresarial.

    Como funciona:
Em sua aplicação, a Análise SWOT é dividida em dois ambientes: o interno e o externo. O primeiro refere-se ao interior de uma organização e propõe identificar forças e fraquezas de uma companhia. Já o segundo, diz respeito ao ambiente externo, ou seja, tudo aquilo que não depende apenas dos esforços da instituição. O ambiente externo é segmentado em oportunidades e ameaças, divisões que tratam das previsões de futuro ligadas, direta ou indiretamente, aos fatores de fora da empresa.

   Ambiente Interno:
– Forças: quais são as aptidões mais valorosas de sua empresa quando comparadas com a concorrência? Quais são suas melhores atividades? Qual a vantagem competitiva que se destaca? Os clientes se engajam?
O campo das “Forças” é relacionado diretamente com as vantagens que sua organização possui frente aos concorrentes. O segredo é perceber quais desses aspectos podem ser aproveitados. Quanto mais destaques positivos ante os adversários, mais relevante eles são para a Análise SWOT.

– Fraquezas: São as capacidades que prejudicam, de alguma forma, o andamento de seu negócio. É vital que haja franqueza nesta etapa da análise. Algumas perguntas que podem ser feitas para identificar verdades: minha mão-de-obra é qualificada? Falta treinamento? Por que o cliente escolheu outro prestador?
Quando percebidas, as debilidades precisam ser isoladas e examinadas. Dessa forma, é possível anular os problemas que as ocasionam. Quando não for possível corrigir de imediato uma fraqueza, é importante estudar métodos para minimizar seus efeitos.

    Ambiente Externo:
– Ameaças: São as forças externas que influenciam negativamente uma companhia. Aqui, a dica é: trate-as com muita cautela. Uma ameaça de fora mal administrada pode virar um problemão e influenciar negativamente não só o planejamento estratégico, mas os resultados de sua empresa.

– Oportunidades: As oportunidades são o oposto das ameaças. Elas demonstram as forças externas que influenciam positivamente na empresa. Por exemplo: uma avaliação de cinco estrelas na página do Facebook da companhia ou uma mudança na política econômica do governo que favoreça os negócios. Vale ressaltar que não há controle sobre essas forças, porém, podem ser realizadas pesquisas e planejamentos que ajudam a prever alguns destes fatos.

BAIXE AGORA:
Supere a crise com um Processo de Venda adequado ao seu negócio
Conquiste Leads qualificados com dicas de especialistas |eBook|

Posts Recomendados

lançamento recurso LGPD
Smark lança novo recurso para cumprimento da LGPD
17 de agosto de 2022
Smark inova ao implementar gerenciador de consentimento e torna-se o primeiro CRM do país a oferecer a funcionalidade especializada para […]
case cucinare
Cucinare otimiza gestão de vendas com Smark CRM
10 de agosto de 2022
Empresa de restaurantes corporativos, a Cucinare aderiu ao Smark CRM para obter mais organização e agilidade no dia a dia. […]
grupo adservi
Grupo Adservi adota Smark CRM
1 de agosto de 2022
Referência no mercado de serviços gerais e segurança patrimonial, o Grupo Adservi atua há 22 anos atendendo organizações públicas e […]