Você sabia que as técnicas da neurociência são muito importantes para serem aplicadas na área comercial do seu empreendimento? Elas podem ajudar você a entender decisões de compra dos clientes. Além disso, trabalham com foco, principalmente, na aplicação do neuromarketing, no qual são estudadas a atenção, a emoção e também a memória dos seus clientes.

Técnica para alavancar os negócios

Com essa metodologia, sua equipe será direta, efetiva e assertiva na persuasão. Além de abordar precisamente uma nova estratégia de vendas. Você passará a compreender como o cérebro do ser humano pensa, decide e sente. É uma técnica que pode ser utilizada como um recurso a mais para alavancar os negócios da sua empresa.

Existem conhecimentos fundamentais da neurociência cognitiva aplicada diretamente para a área comercial. É por meio desses estudos do cérebro que a neurociência mostra como é capaz de determinar tipos de comportamentos a serem percebidos. Por isso é possível entender as decisões de compra dos clientes.

LEIA MAIS – Como é o gestor que fará seu empreendimento decolar?

Linguagem corporal

Dentre eles, a linguagem corporal – tanto de quem vende quanto de quem compra. A movimentação do corpo pode gerar ou não engajamento e ajudar no fechamento de uma venda. Vale destacar também que trabalhar efetivamente o motivacional da sua equipe ajuda a compreender o processo de decisões de compra dos consumidores. A neurociência pode revelar o momento decisivo que seus clientes optam por adquirir seus produtos e serviços. E, saber isso, é um grande trunfo!

O estudo da neurociência aplicado no comportamento do consumidor é uma ferramenta para estratégias de marketing. A psicóloga, coach e sócia diretora executiva na Valore Gestão de Pessoas, Roberta Sanzi, exemplifica como a neurociência pode auxiliar nas práticas de vendas:

“Para o profissional de vendas é fundamental entender o funcionamento da mente humana em áreas do cérebro e a inteligência emocional das pessoas, a fim de conseguir entender comportamentos e intenções durante o processo de decisão na hora da compra”, afirma Roberta.

LEIA MAIS – Faça sua equipe render mais: tenha um gerente de vendas que se faz entender

Pensamento claro na tomada de decisões

Roberta complementa: “Também é imprescindível entender o funcionamento interno do cérebro, a autogestão. É isso que vai propiciar a condução do pensamento claro por parte do vendedor na tomada de decisões para ações coerentes e assertivas no processo de venda. E esse tipo de atenção reflete na produtividade!”

É preciso estar atento em despertar e gerir a atenção ao outro. Algo que, na prática, é produzir empatia para gerar relacionamentos profissionais produtivos. De acordo com Roberta, “é onde entram outros processos, como a escuta ativa, a necessidade, as perguntas de qualidade e a comunicação assertiva para resultados satisfatórios em negociações.”

Mais do que vender, é preciso entender cada vez mais a necessidade dos seus clientes. Mais do que ofertar um produto ou serviço, o relacionamento e engajamento do setor comercial com o que seus consumidores estão buscando é fundamental. Qualifique sua equipe, utilize as técnicas de abordagem e estratégias de marketing da neurociência que estão ao seu alcance. Isso impulsiona resultados positivos e reforça o sucesso da sua marca.

>>> Baixe nossos e-books:

>>> Dicas: Monte uma equipe de vendas matadora

>>> Supere a crise com um Processo de Venda adequado ao seu negócio

>>> Conquiste Leads qualificados com dicas de especialist