A gestão de relacionamento com clientes é um desafio.

Especialmente neste momento de profundas mudanças no comportamento dos consumidores e nas dinâmicas dos mercados.

Estão obtendo mais sucesso neste desafio, as empresas que fazem uso consciente e estratégico da tecnologia.

Afinal, rapidez de análise e ação são fundamentais diante da concorrência acirrada, cada dia mais sofisticada.

Neste artigo, resolvemos apontar alguns caminhos para você escolher um bom software de CRM visando melhorar seu relacionamento com o mercado.

Confira!

O que o CRM tem a ver com a gestão de relacionamento com clientes?

Para início de conversa, precisamos entender de que forma um bom CRM serve ao desafio de melhorar a gestão de relacionamento com clientes.

Em resumo, quando as equipes de marketing e vendas dispõem de um bom software de CRM, tendem a se preocupar menos com tarefas burocráticas.

Ganham mais tempo para um relacionamento de proximidade com clientes e prospects.

Na prática, com o CRM é possível automatizar processos, padronizar atendimento e abordagens, ganhar mais rapidez no tratamento de oportunidades, entre outras vantagens.

Todos os envolvidos na operação de vendas e marketing falam a mesma língua e levam a mesma mensagem aos clientes e prospects a partir do uso eficaz do software de CRM.  

→ Neste artigo, entenda em detalhes como um bom CRM pode potencializar o relacionamento com clientes.

O que o CRM deve ter para que sirva como ferramenta de melhoria na gestão de relacionamento com clientes?

Dentro deste entendimento, também é importante saber que não é qualquer sistema de CRM que está preparado para a questão do relacionamento com o mercado.

Existem softwares desenvolvidos apenas para que o gestor tenha um controle das atividades (que nem mereciam ser chamados de CRM, é verdade), mas que são classificados como CRM.

Portanto, é importante separar o joio do trigo. A escolha da solução faz toda a diferença.

A seguir, confira algumas dicas para não errar na escolha de um CRM se o seu intuito é melhorar a gestão de relacionamento com clientes:

Funcionalidades que facilitem o atendimento ao cliente

A ferramenta deve oferecer funcionalidades para padronizar e controlar a qualidade do atendimento ao cliente.

Na prática, o sistema precisa facilitar o registro do histórico de contatos e negociações com cada cliente.

Melhor ainda se essas funcionalidades estiverem separadas para cada fase do funil de vendas (do primeiro contato ao fechamento do negócio).

Integração com um sistema de automação de marketing

Como hoje boa parte do relacionamento com clientes e prospects se dá no ambiente digital, é imprescindível que o CRM possa ser integrado a um bom software de automação comercial.

Assim, o envio de e-mails marketing, bem como a detecção da atração de novos leads (e o relacionamento automatizado realizado com eles via web), por exemplo, não são ações isoladas do pessoal de marketing.

Trabalhando de maneira integrada, os dois times podem melhorar a forma com que se relacionam com o mercado, o que contribui para melhorias nos resultados.

→ Entenda melhor, conferindo as principais vantagens da integração do SMark CRM com o RD Station.    

Ferramentas para a realização do pós-vendas

É importante também que o CRM permita separar a gestão das oportunidades do processo de pós-venda.

Dessa forma, é possível ter uma equipe dedicada a acompanhar o sucesso do cliente a partir de um roteiro de atividades pré-formatado, específico para o relacionamento depois do fechamento do negócio.

Na prática, quando o vendedor que está prospectando identifica uma nova oportunidade, ele já a direciona para a fase de abordagem (que não necessariamente é realizada por ele).

E todas as oportunidades e o pós-venda passam a estar interligados para que o gestor consiga visualizar o relacionamento global — e possa pensar em táticas e ações para tornar o processo mais assertivo.

Como está a gestão de relacionamento com clientes na sua equipe?

Você já havia pensado no que um software de CRM precisa ter para ajudar neste desafio? Deixe seu comentário!

→ Para se aprofundar ainda mais neste assunto, baixe agora o e-book ‘Gestão de Relacionamento com o Cliente’ — aproveite, é grátis!